• Mônica Ann Diniz

Fluxo Luminoso e Intensidade Luminosa



Fluxo Luminoso (Φ)

Fluxo luminoso é uma grandeza que deriva da radiação emitida (luz) ou refletida por uma fonte luminosa.

Seu cálculo sofre a influência de fatores referentes a potência energética da fonte luminosa, ao comprimento de onda da luz e a percepção visual média do ser humano. Pois que para cada comprimento de onda do espectro visível a percepção do olho humano é diferente, além de que parte da energia fornecida à fonte luminosa é convertida em calor.

Esse valor é importante para os fabricantes de lâmpadas e luminárias. Cabendo ao lighting designer a compreensão das informações fornecidas e suas consequências.

Pode-se definir fluxo luminoso como “ a quantidade total de luz emitida pela fonte luminosa”, e tem como unidade o lúmen (lm).

Φ = Km ∫780380 (d ɸe (ʎ)/d ʎ) . V(ʎ) . d ʎ


Sendo,

  • (d ɸe (ʎ)/d ʎ) = distribuição espectral do fluxo radiante (W)

  • V(ʎ) = eficácia luminosa espectral (componente da percepção visual)

  • Km = equivalente a 683 lm/W (valor de referência para a luz monocromática de ʎ (comprimento de onda) igual a 555 nm de 1 W de potência)

  • Φ = fluxo luminoso (lm)


É interessante observar que a maior parte das fontes luminosas não são monocromáticas e por isso o valor do fluxo luminoso se reduz consideravelmente em relação ao fluxo radiante.

Intensidade Luminosa ( I )

A intensidade luminosa pode ser entendida como a quantidade de fluxo luminoso emitido numa determinada direção e sentido, sendo portanto um vetor luminoso, com módulo, direção e sentido. Sua unidade é a candela ( cd ).

Os cálculos da intensidade luminosa pressupõem uma fonte luminosa puntiforme, o que permanece válido, com erro de apenas 1%, quando a distância do plano medido é maior que cinco vezes a maior dimensão da fonte. Para fontes tubulares isso não é tão simples, mas ainda assim é possível se consideradas distâncias maiores.

A sua definição matemática relaciona o fluxo luminoso com o ângulo sólido. Simplificando, pode-se considerar

Iα = Φ1,2 / ω1,2

onde,

  • Φ1,2 = fluxo luminoso entre α1 e α2

  • ω1,2 = ângulo sólido entre α1 e α2

  • Iα = Intensidade luminosa na direção α

A intensidade luminosa é a grandeza medida com o fotômetro num determinado ponto, e a partir dela pode-se calcular o fluxo luminoso da fonte, fazendo-se ω=α.

Resumindo, fluxo luminoso é a luz total emitida e intensidade luminosa é a parcela dessa luz numa direção.

0 visualização

MD Light  -  md_projetos@yahoo.com.br   -  wpp 99156-5038  -   Rio de Janeiro, Brasil

  • Preto Ícone Facebook
  • Instagram ícone social
  • Preto Ícone LinkedIn